Horário 09/10

10 10 2009

Disponível para consulta, desde hoje (10/10/2009) às 14:57h o meu horário, actualizado, que já incluí as aulas de apoio para as turmas do 11º ano. As turmas de 7º ano terão apoio pedagógico com outro/a professor/a, a designar pelo Director.

HORÁRIO – Rafael Nogueira (300-17)

Anúncios




Aviso aos Alunos

10 10 2009

Aviso para os alunos do 7ºC e E:

Na próxima semana não haverá aulas de Língua Portuguesa

Aviso aos alunos do 11ºF, G e H:

As aulas de Português, na próxima semana, serão no Auditório 3 (pavilhão II – 2º piso)





Reflexão

15 07 2009

A literatura de Portugal distingue-se pela riqueza e variedade da sua poesia lírica que a tem caracterizado, desde o início, pela sua riqueza em escrita histórica e pela sua relativa delicadeza nos dramas, biografias e ensaios.





É o Memorial do Convento Difícil?

15 07 2009
“O especialista em Estudos Portugueses e coordenador dos novos programas de Português do 1.º, 2.º e 3.º ciclos do ensino básico, Carlos Reis, até elogia a selecção dos textos na prova de Português realizada ontem na 2.ª fase: um poema de Ricardo Reis; uma pergunta que testava o que tinham os alunos aprendido com a leitura do Memorial do Convento, de José Saramago, um excerto da Ética para Um Jovem, de Fernando Savater, uma citação de Dicionário Imperfeito, de Agustina Bessa-Luís.
Contudo, confessa: “Não sou defensor do Memorial do Convento como obra de leitura integral neste nível de ensino [12º ano]. Parece-me uma obra de linguagem demasiado complexa.” Não quer dizer, sublinha, que Saramago não devesse fazer parte do programa. Mas outro romance seria mais adequado, acredita. Nos últimos cinco anos, Sttau Monteiro e Fernando Pessoa e os seus heterónimos foram os autores mais vezes escolhidos para o texto principal dos exames do 12.º ano. Marcaram presença cinco vezes, num total de 12 provas analisadas. José Saramago, com o Memorial do Convento, e Camões empatam com duas presenças cada. ” (notícia do Público)
A leitura não é uma processo “simplex”: implica a capacidade de construir e inferir sentidos. Envolve processos de percepção,de memória, de inferência, de reconhecimento. Nesse sentido o Memorial do Convento é um excelente romance a ser lido no ensino Secundário.
O busílis não é o Memorial do Convento, a Aparição, A Sibila, Uma Abelha na chuva ou qualquer outra obra indicada no programa actual ou do de antanho.
O verdadeiro problema está na falta de leitura, na não leitura desta ou qualquer outra obra sugerida, na resistência a “ler”. Ler implica esforço, implica mobilizar conecimentos anteriores, questionar o texto. O leitor vai-se fazendo pelas diferentes experiências estéticas de que usufruí, no entanto, a leitura séria é substituída, muitas vezes, pelo equívoco. Em vez da obra lêem-se / estudam-se / memorizam-se resumos, esquemas, opiniões cristalizadas de outros, o que impossibilita a construção do conhecimento. Isto não é ler.




Museu RTP

12 07 2009

 Para se poder ver o passado.
 
 É mesmo espectacular: http://museu.rtp.pt/#/pt/programas_tv





Pedro | Martim

12 07 2009

🙂    🙂    🙂

O Pedro Teixeira Nogueira e o Martim Teixeira Nogueira já nasceram, ontem, dia 11 de Julho por volta das 11 horas da manhã! A mamã, papá, os avós e toda a família estão babadinhos. Agora, o papá vai voltar à Maternidade!!!

Naturalmente que a fotografia apresentada não é verdadeira! Assim que a mamã autorizar (e o pápá escolher a fotografia mais bonita), deixo aqui uma fotografia dos nossos gemeos!!!




Ainda os Exames

8 07 2009

Parabéns a todos os alunos!

No cômpto global as notas foram bastante satisfatórias, à excepção de uns casos pontuais em que alguns alunos obtiveram classificações inferiores às da disciplina.

Assim, desejo a todos BOAS FÉRIAS (que são bem merecidas) para entrarem no próximo ano lectivo com o pé direito!!!